Umuarama

POPULAÇÃO DE UMUARAMA RECLAMA DA LOCALIZAÇÃO DA NOVA FARMÁCIA DO ESTADO

A redação vem sendo procurada por algumas pessoas para reclamação da localização da nova farmácia do Estado. Anteriormente localizada no antigo Romer Shopping na rua Ministro Oliveira Salazar, 4150 próximo a secretaria municipal de saúde, hoje está situada na avenida Paraná ao lado do Hospital da Uopeccan. 

Reclamações

As reclamações mais comuns que chegaram até a redação, foi das pessoas que necessitam de obter remédios disponibilizados pelo Estado, e tem de chegar muito cedo até ao novo prédio para pegar uma senha e esperar por horas até ser atendido. Há relatos que idosos ficam até 3 horas esperando o atendimento, e que em algumas vezes vão embora sem o medicamento.

A dona de casa J.S.C. entrou em contato com O Metropolitano reclamando que ela desembolsa cerca de R$ 16,00 para ir buscar o remédio controlado para seu pai. “Como que muda a farmácia  para um lugar sem nos consultar, para eu chegar lá, pego 4 circulares gasto R$ 16,00. Terá vez que não terei esse dinheiro e irei de a pé.”, reclama a dona de casa.

Já a aposentada Maria Tereza, fala sobre o tempo de espera que as pessoas ficam na fila do lado de fora para entrar na Farmácia, pessoas idosas, doentes, sem nenhuma atenção dos servidores do órgão. “Chegamos bem cedo para pegar as primeiras senhas para ser atendido, mas tem vez que mesmo com a senha não tem remédios para entregar, ai nos pede pra voltar em outro dia. Como que podemos vir tão longe, isso é uma judiação com as pessoas que vem aqui.”, desabafa. 

As reclamações também tomaram conta das redes social, onde o internaluta Lindomar Pereira indignado pelo descaso do Estado com a população de Umuarama, postou no Grupo Umuarama em Debate sua reclamação. “Bom dia, venho aqui fazer uma reclamação, sobre a farmácia regional, coitado de que precisa de remédios controlados aqui em Umuarama, isso é uma pouca vergonha, local longe, filas gigantescas, pouquíssimos atendentes, a população tem que madrugar na fila, ficar no sol quente esperando abrir.”, essa postagem tomou corpo em um grande coro de reclamações dos internautas, no sentido do desrespeito, descaso, insensibilidade por parte do Estado.

Não conseguimos contato com o responsável pela Farmácia para falar sobre o assunto, fica aqui o espaço aberto para que em outro momento, o Estado possa se pronunciar sobre o tema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *